abril 8, 2020

Associação alerta que não há necessidade de corrida aos supermercados


Consumidores no Rio de Janeiro tentaram se antecipar a quarentena pelo coronavírus e correram para os supermercados para estocar alimentos e produtos de limpeza. Dessa forma, acabaram enfrentando filas e aglomerações, indo na contramão das recomendações de combate ao Covid-19.

O presidente da Associação de Supermercados do Estado do Rio de Janeiro, Fábio Queiróz, alertou que não há, por enquanto, risco de desabastecimento. O presidente da Asserj explicou que há uma diferença entre desabastecimento e não reposição. Segundo ele, a falta de produtos nas prateleiras aconteceu porque não houve tempo para a reposição diante da velocidade das compras pelos consumidores.

Fábio Queiroz informou que os supermercados estão preparados para atender a demanda e revelou que o único produto que os supermercados estão com dificuldade de reposição é o álcool gel, cuja a demanda aumentou muito. O presidente da Associação de Supermercados do Estado negou ainda a possibilidade de fechamento de lojas e alertou para as fake news que provocam pânico na população.

*Com informações da Rádio Nacional RJ / Foto: Agência Brasil

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *