novembro 30, 2020

Enem: saiba formas alternativas e gratuitas para preparar estudantes


Falta menos de três meses para Exame Nacional do Ensino Médio. A primeira prova está marcada para dia 17 de janeiro de 2021.
Professores, ONGs e governos realizam formas alternativas gratuitas para preparar estudantes para o Enem.

O exame é a principal forma de acesso para quem deseja entrar na universidade. E,neste ano atípico, com a paralisação das aulas presenciais por causa do novo coronavírus, foram necessárias ações diferentes para não deixar prejudicar alunos de escolas públicas e de baixa renda.

O professor de espanhol Ricardo Tobé dá aulas nos principais cursinhos particulares para o Enem em Brasília. Há anos, ele e outros colegas criaram o Bizu do Enem – aulões para alunos que não tem condição de pagar cursinho.

Sonora: “Os alunos tem a oportunidade de estudar todas as matérias de matriz de referência do Enem com a gente lá nos aulões, Nós fazemos live e esse projeto há três anos acontece de forma presencial e esse ano, com a pandemia, será totalmente online. Nós sempre nos preocupamos muito as ações presenciais aqui em Brasília e agora a gente está vendo que o Brasil é o limite porque tem muitas pessoas não têm condições.

O calendário do Bizu do Enem ainda está sendo fechado, o primeiro aulão será em novembro. As informações do projeto estão nas redes socais do professor Ricardo Tobé.

No Rio de Janeiro, jovens universitários moradores da comunidade da Maré se mobilizaram há três anos para ajudar outras pessoas a ingressarem na universidade e criaram o pré-vestibular Unifavela.

Uma das coordenadoras pedagógicas do cursinho, a Fernanda Azevedo relata que 2020 começou com duas turmas de cerca de 60 pessoas, indo para as aulas no espaço cedido pelo Instituto Vila Real , em Nova Holanda dentro do Complexo da Maré. 

SONORA: “Através dessa parceria com o Instituto Vila Real a gente conseguiu cestas básicas para alunos e professores que sinalizaram necessidade. Então, de primeiro momento, no início da pandemia, a nossa primeira ação foi se organizar para a distribuição dessas cestas básicas e no segundo momento momento a gente começou a se organizar para começar a trabalhar no ensino remoto. A Unifavela foi beneficiada por um projeto chamado “nossas” que organiza uma campanha “4G para estudar”. Então todos os alunos nosso que sinalizaram problemas com internet, conexão, problemas de aparelho, essas questões foram sanadas através dos recursos que a gente recebeu do 4G para estudar.”

As aulas preparatórias para o Enem do UniFavela voltaram de forma remota em agosto. Em Mato Grosso, a partir do dia 26 de outubro os estudantes do 3º ano do Ensino Médio da rede estadual começam a participar de projeto Pré-Enem Digital. A Secretaria de Educação do Estado vai ofertar aulas intensivas. As vídeo-aulas serão transmitidas pela TV Assembleia.

Estudantes maranhenses e interessados de todo o Brasil podem se preparar para o Exame por meio de aulões online. As lives, são transmitidas pelo canal do Youtube da Secretaria de Educação do Maranhão.

Tem ação gratuita também na emissora pública brasileira. A TV Brasil exibe de segunda a sexta-feira, às 6 horas da manhã, o programa “Cai no Vestibular”, com até 15 minutos de duração. Aos sábados é exibida uma maratona com as aulas da semana, a partir das 5h30. As aulas ficam disponíveis também no site da emissora: tvbrasil.ebc.com.br/cainovestibular 

*Com informações da Rádio Nacional em Brasília/EBC

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *