agosto 11, 2022

O que será do Bahia em 2022 ?

COLUNISTA E JORNALISTA ESPORTIVO RUY MATOS

 

Com um final de ano bastante decepcionante, tendo em vista ser o time baiano rebaixado à Segunda Divisão, a torcida do glorioso Esporte Clube Bahia espera um ano mais promissor e o retorno imediato à elite do futebol nacional: “ Série A“ o mais prontamente possível.

O Bahia, ao longo do ano de 2021, foi um time instável, alternando bons e maus resultados, sobretudo nos 38 jogos da “ Série A.“  Diga-se de passagem, o time do `´ tricolor de aço “ perdeu em 17 oportunidades, sendo transformado numa autêntica “ caixa de pancadas “ como diriam os torcedores com mais de 50 anos.

Os erros dos últimos anos não devem ser repetidos e o retorno à “ Primeira Divisão “ deve ser, de verdade, a prioridade para o ano em curso. Contudo, diante das últimas contratações e perdas de jogadores, com salários fora da realidade financeira da equipe, significativa parte da torcida anda desconfiada e preocupada com as possibilidades de um ano vergonhoso e de futebol de baixa qualidade.

O elenco do Bahia é, tecnicamente, limitado e os grandes que disputarão a “ Série B“(Vasco da Gama, Grêmio e Cruzeiro ) estão montando elencos de melhor qualidade técnica e serão, pelo menos no papel, fortes candidatos a uma das quatro vagas para a “ Série A  2023.“

Com forte rejeição de grande parcela da torcida do Bahia, o presidente Guilherme Belintanni continua agindo, sem a devida transparência administrativa, deixando em destaque o seu perfil político falar mais alto do que o bom senso para presidir um time de futebol com a grandeza do “ tricolor de aço.“

O que a torcida pode esperar ? Uma pergunta que prefiro não responder até o início das duas competições iniciais previstas para janeiro: “ Copa do Nordeste `´ e “ Baianão. “ Mais para a frente, teremos a “ Copa do Brasil “ e o `´ Brasileirão Série B. “

Com a extinção do time alternativo (dos últimos anos), por sinal, muito fracos e com jogadores (com poucas exceções) que não farão falta, os atuais jogadores devem levar mais a sério as camisas que vestem, conquistando o bicampeonato da `´ Copa do Nordeste “ e o desmotivado “ Baianão `´ promovido pela Federação Bahiana de Futebol (FBF).

Se conseguir boas campanhas e títulos, nas competições iniciais, o time poderá sonhar com boas campanhas na “ Copa do Brasil `´ e no “ Brasileirão Série B.“

A segunda divisão de 2022 será uma das mais disputadas dos últimos anos, devendo os jogadores do glorioso Esporte Clube Bahia jogar com muito amor e garra e não, apenas, pensando nos “bons salários “ de alguns jogadores que devem fazer jus ao que recebem mensalmente.

Mesmo com a falta de transparência e um elenco de qualidade mediana, vamos esperar que os contratados joquem um futebol regular e de qualidade, levando o time baiano à “ Série A de 2023. `´ No mais, tenho dito!

*Ruy Matos: editor, presidente e colunista do A FOLHA DE NORDESTINA.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.