novembro 30, 2020

PF vai usar drones para combater fraudes nas eleições em todo país


A Polícia Federal vai usar drones em todos os estados para auxiliar o trabalho dos agentes na prevenção e repressão a crimes eleitorais. São mais de 100 aeronaves não tripuladas que vão sobrevoar as principais zonas eleitorais do país nas eleições municipais nos próximos dias 15 e 29 de novembro, em caso de segundo turno.

Nesta terça-feira (27), a PF fez treinamentos com drones em alguns estados, como Alagoas, Mato Grosso do Sul e Minas Gerais. No Rio de Janeiro, os equipamentos foram apresentados em um exercício simulado, no entorno do Museu do Amanhã, no centro da cidade.

O delegado regional de combate ao Crime Organizado da PF no Rio, João Garrido, enfatizou que o equipamento vai ajudar na investigação dos crimes de compra de votos, transporte irregular de eleitores e boca de urna.

De acordo com a Polícia Federal, os drones podem se tornar imperceptíveis ao voar em elevada altitude e possuem câmeras capazes de realizar zoom suficiente para identificar suspeitos, placas de veículos, entregas de santinhos e situações de compra de votos, com imagens de alta nitidez.

Ainda segundo a PF, o equipamento se torna extremamente relevante diante do cenário de medidas de distanciamento social para combater a pandemia do novo coronavírus.

*Com informações da Rádio Nacional no Rio de Janeiro/EBC

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *