novembro 30, 2020

Trabalhador que teve auxílio emergencial cancelado pode contestar


Os trabalhadores que têm direito à extensão do Auxílio Emergencial, de R$300 e que tiveram o benefício cancelado devem contestar o corte no pagamento até hoje, segunda-feira, dia 2 de novembro. O prazo é para quem recebeu, ao menos, uma parcela da extensão do auxílio, mas que, na revisão mensal, teve o recurso cancelado.

A contestação é feita exclusivamente pela internet, no site da DataPrev, pelo endereço: consultaauxilio, tudo junto, ponto dataprev ponto gov ponto br.

Quem recebeu as cinco parcelas de R$600 do benefício, mas não recebeu nenhuma parcela da extensão de R$300 do auxílio tem até o dia 9 de novembro para contestar a decisão, também pela página da DataPrev na internet. Já os beneficiários do Bolsa Família que tiveram a extensão do auxílio cortada só poderão fazer a contestação a partir do dia 22 de novembro.

Depois da reanálise dos dados, caso a contestação seja aprovada, a extensão do Auxílio Emergencial será paga no mês seguinte ao pedido, incluindo os valores retroativos não pagos.

O governo suspende o pagamento do auxílio nos casos em que haja, por exemplo, indicativo de óbito, recebimento de algum benefício assistencial ou previdenciário, ou caso a pessoa tenha um vínculo formal de emprego.

*Com informações da Rádio Nacional em Brasília/EBC

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *