janeiro 23, 2022

Universidade de Oxford vai abrir unidade no Brasil, a 1ª das Américas


A Universidade de Oxford, no Reino Unido, vai abrir uma unidade no Brasil para novas pesquisas, produção de vacinas, medicamentos, e formação de novos pesquisadores. A novidade é resultado de uma parceria entre a universidade britânica e o Ministério da Saúde.

Na tarde desta quarta-feira (27), o ministro Marcelo Queiroga assinou um termo de compromisso com a instituição de ensino para selar o acordo, que resultará na primeira unidade da universidade de Oxford nas Américas.

No ano passado, o Brasil participou dos ensaios clínicos da vacina Astrazeneca, produzida pela universidade britânica em uma parceria que garantiu transferência de tecnologia para o nosso país. Queiroga ressaltou que a abertura de uma unidade da Oxford em solo brasileiro é uma ampliação dessa parceria.

O acordo entre Oxford e o Ministério da Saúde vai priorizar a pesquisa em saúde global, a formação de novos profissionais na área de doenças infecciosas, estudos clínicos, e o desenvolvimento de imunizantes. A unidade brasileira da universidade britânica vai contar com cursos de mestrado, PHD e atualização para profissionais.

A governo federal ainda não definiu onde a unidade de Oxford vai funcionar no Brasil. A previsão é de que ela seja instalada no ano que vem.

*Com informações da Rádio Nacional DF

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *